01 02 03 04 05 06 07
João Ramalho - terça-feira, 22 de agosto de 2017

“Faça Bonito” Dezoito de maio dia Nacional de Combate ao Abuso Sexual


23/05/2014 - Matéria: Janaina Soares - assessoria jornalística


      As comemorações ao dia Nacional do Combate ao Abuso Sexual e Exploração de crianças começaram quinta – feira dia 22 de maio, com a palestra da psicóloga Elimiana Baccarin Baldacim,a coordenadora do projeto Guri Jokebete Barbosa deu inicio ao evento falando o por que e a importância de todos participarem da palestra. A palestra teve objetivo de mostrar a diferença entre o ato de pedofilia e abuso sexual. A pedofilia é um diagnóstico clinico, e para psiquiatras, pedofilia é a atração que a pessoa sente por crianças.O pedófilos criam fantasias que estão fora do seu inconsciente, não fazem por que querem. Já o Ato de Abuso Sexual é quando a pessoa comete o abuso conscientemente ou seja ele faz por que quer. A palestra foi feita com alunos do ensino fundamental e médio, e alunos do projeto Guri. Os alunos do projeto Guri em forma de protesto pintaram as mãos e montaram um mural.
      Na sexta – feira dia 23 de maio o evento continuou com uma pequena palestra da conselheira Isamara Menezes Rodrigues que falou da importância das crianças procurarem, amigos, professores, psicólogos e os pais quando sofrerem algum tipo de abuso. Ela ressaltou que a denuncia é sigilosa pois muitas pessoas tem medo de denunciar e sofre ameaças. A representante do CMDCA( Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente) Vera Casadei falou um pouco do objetivo que teve o evento .E para ilustrar o que foi dito pela psicóloga e pela conselheira,o terceiro ano da escola estadual apresentou um teatro mostrando como se dá o abuso e como e quem as crianças podem procurar e fazer a denuncia. O projeto Guri também se apresentou e depois segui a passeata que foi o marco do Protesto. A secretaria de educação Regina Calci também esteve presente apoiando a iniciativa do evento.